Saiba neste artigo quais estratégias realmente funcionam no marketing para restaurantes delivery.

Em tempos de quarentena causada pelo novo coronavírus, é muito importante saber como fazer marketing para restaurantes delivery.

Afinal, os estabelecimentos alimentícios precisam de toda ajuda disponível para alavancar suas vendas.

Como não podem abrir para o público por causa das regras de distanciamento social e quarentena, a única opção de negócio é trabalhar com o delivery para poder ter vendas e faturamento.

Para poder conseguir esses clientes, no entanto, é necessário investir bastante em marketing para restaurantes delivery. Quer saber como fazer isso? Siga a leitura do artigo abaixo!

Suponha que você tenha uma empresa que faz buffet para casamentos. Nesse caso, a sua estratégia de marketing é montada em cima de um tradicional funil de vendas.

Isso significa que você produz conteúdo de qualidade pensando no estágio de atração,conversão e fechamento dos clientes, considerando um processo de tomada de decisões longo.

No entanto, os micro-momentos não dão espaço para esse tipo de processo. O cliente não leva dias para fechar a venda em um desses, ele deve decidir em poucos minutos.

Por isso, é necessário trabalhar com estratégias que valorizem a autoridade do seu site para que ele se destaque nos micro-momentos de Google.

Fonte: Pixabay

O marketing para restaurantes delivery depende de micro-momentos!

Uma das características básicas de uma boa estratégia digital para restaurantes delivery é entender o funcionamento de algo que o Google descreve como micro-momentos.

Basicamente,são buscas extremamente curtas, em um estágio avançado de decisão de compra,até relativamente fora do tradicional processo de funil.

Trabalhe com estratégias temporais nas suas redes sociais!

Trabalhe com estratégias temporais nas suas redes sociais! Fonte: Pixabay

Uma característica básica do mercado alimentício é que ele é extremamente temporal.Isso significa que as comidas seguem padrões de tendência, mas não apenas isso.

O processo de tomada de decisões dos consumidores, por exemplo, seguem ciclos rápidos de algumas horas. Por exemplo, há um grande número de decisões de clientes no horário de almoço e outro grande ciclo na hora do jantar.

Nesse meio tempo, existe um processo mais longo de construção de vontades, que também dura períodos de semanas ou até mesmo meses.

Portanto, é importante trabalhar a sua estratégia de marketing para restaurantes alimentícios pensando na temporalidade da decisão de compras dos seus clientes.

Por exemplo, qual é a sua estratégia para o almoço e o jantar de amanhã? Além disso, qual a sua estratégia para a construção de desejo de longo prazo do seu público?

Para solucionar essa problemática, existem algumas ações simples que podem ser feitas. Por exemplo:

●    Anúncios no Google Ads na hora do almoço e jantar;

●    Publicação de posts e Stories nos mesmos horários;

●    Envio de SMS marketing nos momentos de decisão de compra;

●    Ação de longo prazo com influenciadores locais.

Invista na fotografia culinária para conseguir mais clientes

Você já ouviu falar que o existem pratos tão bonitos que as pessoas “comem com os olhos”? Então, grande parte do marketing culinário começa com a apresentação de uma refeição.

Pare para imaginar um hambúrguer delicioso ou uma pizza gostosa. É curioso como você provavelmente pensou nesses pratos visualmente antes de pensar no cheiro ou no gosto deles.

Isso porque nós somos extremamente visuais, inclusive em relação aos nossos gostos culinários. Não é à toa que as principais lanchonetes do mundo investem pesado em tirar as fotos perfeitas de seus pratos.

No marketing para restaurantes delivery, é importante contar com boas fotos dos seus pratos para poder convencer os clientes a comprar com você. Isso porque o ambiente dos deliverys é altamente competitivo.

Se você vende comida japonesa, por exemplo, existem outros 30, 40 ou 50 restaurantes vendendo a mesma coisa e na mesma faixa de preço.

No entanto, a foto capta o olhar do consumidor e desperta o desejo de compra nele,caso seja de qualidade.

O mesmo acontece nas redes sociais. Uma boa foto, que valorize o prato e capture os seus principais atrativos, pode viralizar um conteúdo e gerar muito engajamento.

Aposte na geolocalização e segmentação do marketing!

Um elemento interessante a se ter em mente no marketing para restaurantes delivery é entender que nem tudo que funciona para outras áreas também traz resultados aqui.

Por exemplo, suponha que você tem um e-commerce que vende livros. Como são produtos não-perecíveis, é possível enviá-los pelos Correios mesmo que leve dias para chegar ao destino.

Portanto,não há problemas em uma livraria de Cuiabá vender para um cliente de Alagoas.Assim, sua estratégia de marketing pode atrair gente do Brasil todo.

No entanto, para o restaurante a distância faz toda a diferença. Não há delivery que vá para uma cidade longínqua, por exemplo.

Por isso, é importante evitar levar a sua mensagem para quem está fora do seu raio de ação para não desperdiçar dinheiro com quem não vai converter em público para você.

Direcionando sua mensagem publicitária para quem pode ser seu cliente!

Por exemplo, uma hamburgueria não tem nada a ganhar apresentando conteúdo publicitário para veganos. Ao mesmo tempo, uma cervejaria só desperdiça dinheiro ao exibir anúncios para menores de idade.

Para evitar esses erros, é importante usar corretamente as ferramentas de segmentação e geolocalização das plataformas de anúncios na Internet.

E aí, aprendeu como fazer um bom marketing para restaurantes delivery? Agora é só colocar essas estratégias em ação para conseguir os melhores resultados!

Não se esqueça de deixar um comentário abaixo com a sua opinião sobre o que realmente funciona nessa área!

 Gostou da Nossas Dicas, comente abaixo e ajude também quem precisa de um apoio hoje. 

Abraços. ;)